Risotto de Camarão e Espinafre

Faz Lá Isto Na Bimby - Risotto de Camarão e Espinafre


Risotto de Camarão e Espinafre

Risotto? O que é isso? Vais fazer? É difícil?
É maravilhoso! Sim, faço vários! Nada, simples e delicioso.
E é assim que descrevo este prato.

O Risotto, sendo um prato italiano, foi-me apresentado por duas amigas, uma brasileira outra portuguesa. E embora pouco conhecido da maioria das casas portuguesas, tem alguma semelhança com os "arrozes" típicos da nossa gastronomia, pois deve usar-se um tipo de arroz "cheio" (como o carolino) que abra e acolha os sabores escolhidos.
Combina muito bem com peixe, camarão, legumes e carne embora o LSD prefira o primeiro Risoto que provou, o meu, simples e feito somente com caldo de limão.  
Ora, num dos dias em que a mãe do LSD estava cá em casa, disse: "Hoje jantar é por minha conta, querem um Risoto de Camarão?" ele, o LSD adorou ideia, a senhora respondeu: "nunca comi" ... e saiu esta receita.
Espero que gostem :-)


Grau de dificuldade: Já Não É Qualquer Bimby Que Faz Isto <=> Médio
Tempo de preparação: 30 minutos + tempo de preparação do Caldo de Camarão
Custo: médio
Porções: 6 pessoas

Ingredientes
  • 200/250gr de Arroz Arborio para Risotto, ou, em alternativa,  Carolino 
  • 1 Copo de Vinho Branco, Meio Seco
  • 1 Litro de Caldo de Camarão, preferência pelo caseiro, já quente. 
  • 500gr de Camarão Médio, descascado e à temperatura ambiente
  • 1 Cebola Pequena
  • 2 Dentes de Alho
  • Espinafres (uma mão cheia)
  • Azeite, Sal, Pimenta, Manteiga e Queijo qb

Notas sobre os ingredientes

Deve ser usado camarão inteiro, congelado. O tamanho deve ser o médio/grande, pois com a cozedura tende a diminuir de tamanho.
A manteiga deve ser boa, aqui em casa só usamos açoriana, por isso não abuse do sal.
Quanto ao queijo pode optar por um que possa ralar no momento, ou um queijo creme para uma textura mais aveludada, como ou ainda, por versões de queijo magros. A manteiga vai conferir cremosidade ao arroz, não passe este passo fundamental, mas poderá cortar um pouco no queijo final. O principal segredo do Risoto é sempre a qualidade do caldo e o equilíbrio do sabor final.
Preparação
  1. Lave e prepare os espinafres, coza-os em vapor por 3 minutos. 
  2. Lave os camarões, retire a casca e a cabeça e coza-os por 2 minutos ou saltei-os num pouco de azeite temperado com alho.
  3. Numa panela  aqueça uma ou duas colheres de azeite e deixe aquecer um pouco. Junte a cebola cortada em pedacinhos e refogue 30 segundos, e acrescente o alho;
  4. Após o refogado da cebola e do alho adicione o arroz, e mexa até que comece a ficar branco; 
  5. Adicione o vinho e deixe que o arroz absorva o líquido até ao final; 
  6. Vá acrescentando o caldo de camarão, concha a concha, e mexendo sempre o arroz e até que esgote o liquido. Sempre que o arroz começa a abrir pequenos "buracos" na panela (e sem queimar no fundo) está na altura de adicionar mais uma concha de caldo. É mesmo assim, o arroz vai absorvendo pouco a pouco o liquido, e assimilando os sabores. 
  7. Quando colocar a última concha de caldo, mexa um pouco mais até que absorva quase a sua totalidade e apague o fogão. 
  8. Junte agora uma colher sobremesa de manteiga e mexa e, por fim, junte o equivalente a uma colher de sopa de queijo ralado e volte a mexer. Tampe o tacho e deixe repousar uns 3 minutos. 
  9. Abra o arroz, junte os espinafres escorridos, e o camarão cozido ou salteado, e deixe repousar mais uns minutos.
  10. Sirva com um pouco de salsa ou coentros picados por cima do arroz. 

Sugestão de acompanhamento

Um risotto deve ser acompanhado, na minha opinião, com uma bebida leve mas aromática. Um rosé de uma boa colheita, para refrescar um prato cheio de sabor. E é, por esta opinião, que apenas recomendo o tipo de vinho e não um em particular, num convite a fazerem a vossa própria selecção.

Como sempre esperamos que tenham gostado, e claro, que voltem sempre!
Qualquer sugestão da vossa parte será muito bem vinda...